quinta-feira, 29 de novembro de 2012

Trabalho com iluminação foi tema da conferência de Cláudio Ramos



O light designer Cláudio Ramos conseguiu surpreender os congressistas da 24ª edição do Congresso Pan-Americano de Arquitetos (XXIV CPA) não apenas pela sua participação surpresa no evento, na noite da última quarta-feira,28, mas também pela leveza com que abordou assuntos pertinentes ao âmbito da arquitetura. Nem parecia que aquela era a última conferência da noite, os olhares atentos estavam ali, mesmo após um dia inteiro de atividades.
Para elucidar a importância da iluminação na valorização das obras, Cláudio utilizou os trabalhos realizados desde o ano de 1989, quando deixou a carreira de arquiteto e passou a dedicar-se apenas a projetos de iluminação em ambientes e obras. De lá para cá, foram hospitais, teatros, apartamentos, hotéis; um sem-número de lugares que receberam “um toque de magia” depois de serem iluminados.
Até o mediador da mesa, Ricardo Cabús, professor do curso de Arquitetura e Urbanismo da Universidade Federal de Alagoas (Ufal), não disfarçou a admiração pelo trabalho do colega e debateu as obras do brasileiro juntamente ao público.  A cada projeto apresentado nos slides, surgiam as indagações de profissionais e estudantes ansiosos por saber os detalhes da concepção de cada obra.
 Cláudio Ramos não hesitou e contou o segredo. “Iluminar é esconder. É importante que as luminárias e a fiação não sejam vistas, pois, caso o contrário, é o mesmo que passear em um brinquedo da Disney e ir aos bastidores; perde a graça”, confessou ele, arrancando gargalhadas do público.
O estudante do 6º período de arquitetura da Favip, Edmilson Filho, foi só elogios à palestra. “Achei que foi muito expressiva e completa, ao mesmo tempo em que ele fala sobre muitas tecnologias, também incentiva a sustentabilidade”, comentou.
Encerrando a noite, o gerente da empresa de iluminação CREE – que produz luminária em Led – discorreu sobre a tecnologia.
Cláudio Ramos ministra palestra para o público


Nenhum comentário:

Postar um comentário